Avaliação do grau de transformação antrópica da paisagem da bacia do rio Queima-Pé, Mato Grosso, Brasil

Authors

  • Luciene da Costa Rodrigues UNEMAT
  • Sandra Mara Alves da Silva Neves UNEMAT
  • Ronaldo José Neves UNEMAT
  • Edinéia Aparecida dos Santos Galvanin UNEMAT
  • João dos Santos Vila da Silva UNEMAT

Keywords:

sensoriamento Remoto, ecologia da paisagem, Bacia do Alto Paraguai – Mato Grosso.

Abstract

Objetivou-se realizar uma análise multitemporal do uso da terra e da cobertura vegetal, avaliando os desdobramentos das ações antrópicas na vegetação ciliar dos cursos hídricos da bacia do Rio Queima-Pé/Mato Grosso. Utilizou-se imagens dos anos de 1991, 2001 e 2011 do Satélite Landsat 5. Para a quantificação do grau de antropização da bacia foi calculado o ITA. Os resultados mostraram a intensificação da agricultura (cana-de-açúcar e soja), que expandiram a cada data investigada. A pecuária decresceu, principalmente nos anos de 1991 a 2001; Houve aumento das classes influência urbana e reflorestamento. Enquanto na Floresta ocorreu decréscimo e as massas d’águas nos dois primeiros anos investigados mostraram aumento de área, mas não houve avanço no ano de 2011. O ITA da bacia apresentou duas classificações: 1991 e 2011 Regular e em 2011 Degradada, resultados que podem ser devido a pastagem e ao cultivo em larga escala da cana-de-açúcar.

Downloads

Download data is not yet available.

Published

2014-06-30

How to Cite

Rodrigues, L. da C., Neves, S. M. A. da S., Neves, R. J., Galvanin, E. A. dos S., & Silva, J. dos S. V. da. (2014). Avaliação do grau de transformação antrópica da paisagem da bacia do rio Queima-Pé, Mato Grosso, Brasil. Revista Brasileira De Ciências Ambientais (RBCIAMB), (32), 52–64. Retrieved from https://www.rbciamb.com.br/Publicacoes_RBCIAMB/article/view/248

More articles by the same author(s)